Segunda-feira, 17 de janeiro de 2022
informe o texto

Notícias Polícia

Professores são presos acusados de assediar alunas adolescentes de escolas de MT

02/12/2021 - 12:03 | Atualizada em 04/12/2021 - 14:13

MÁRCIO SANCHES - DA REDAÇÃO

Professores são presos acusados de assediar alunas adolescentes de escolas de MT

Foto: Assessoria

Dois professores da rede estadual de ensino de Mato Grosso foram presos nesta quarta-feira (1) acusados de assédio sexual por suas alunas. Um dos casos foi registrado na Escola Estadual Milton da Costa Ferreira, em Jaciara (140 km de Cuiabá).

Em Jaciara, uma aluna de 17 anos da Escola Estadual Tancredo Neves acusou um professor de segurá-la por trás enquanto lhe passava o pênis.

A vítima disse ainda que o professor, por várias vezes, falava que seus seios e nádegas eram bonitos e avantajados.

O pai da jovem foi até a escola conversar com o professor e o diretor da unidade, e a conversa acabou em uma briga, onde dois foram presos pela Polícia Militar.

Sobre o caso de Jaciara, a Seduc informou que já está em contato com a direção escolar e também assessoria pedagógica da escola para averiguar o ocorrido e iniciar as primeiras medidas necessárias.

Outro caso

O outro caso de assédio sexual envolvendo outro professor ocorreu na Escola Estadual Tancredo Neves, em Cuiabá, onde três alunas relataram que o professor ofereceu R$ 50 para que elas levantassem as blusas.

Após os assédios, as alunas acionaram a diretoria da escola e a Polícia Militar. Ao chegarem à escola, os policiais prenderam o professor em flagrante.

À polícia o professor alegou que tudo não passava de uma "brincadeirinha" de mau gosto com as vítimas. Ele foi encaminhado à Delegacia da Mulher Plantão 24 horas, localizada no bairro Carumbé.

Em nota, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), por meio da Secretaria Adjunta de Gestão de Pessoas, informou que de maneira imediata o professor de Cuiabá foi afastado e sua lotação removida para Diretoria Regional de Educação de Cuiabá, enquanto responde os processos judicial e administrativo, de forma  a preservar a integridade física do servidor e zelar pela estabilidade do ambiente escolar.
 
Segundo a Seduc, as estudantes de Cuiabá e as respectivas famílias já estão recebendo atendimento e orientação quanto aos procedimentos de saúde das crianças e adolescentes.
 
Sitevip Internet
Fale conosco via WhatsApp